Você está aqui: Página Principal

Leitos inativos de hospitais de Colatina e Baixo Guandu serão reativados

A partir de uma Ação Civil Pública com pedido de liminar ajuizada pelo Ministério Público do Estado do Espírito Santo (MPES), a Justiça determinou que o Estado coloque em funcionamento os leitos inativos do Hospital de Baixo Guandu e de outras localidades da região. Além disso, deve ser feita a transferência de pacientes acamados, de longa permanência e necessitados de atendimento integral para o Hospital João dos Santos Neves, em Baixo Guandu, ou outros.  Também deve ser implementado o plantão de 24 horas nessas unidades.
 
A ACP, ajuizada pela Promotoria de Justiça de Baixo Guandu, aponta que, em decorrência do surto da gripe H1N1 (Influenza), o atendimento do Hospital Sílvio Avidos, em Colatina, que atende a 32 municípios, se encontra comprometido, desabilitado e desestruturado. Demonstra também que faltam leitos no referido hospital com isolamento para pacientes afetados pela epidemia, o que vem causando inúmeras mortes na região, enquanto leitos em outros hospitais da região estão inutilizados, como no caso do Hospital João dos Santos Neves.