Você está aqui: Página Principal

Ex-candidato a prefeito de Marataízes é condenado por realizar propaganda irregular

O ex-candidato a prefeito de Marataízes Robertino Batista da Silva foi condenado por propaganda eleitoral extemporânea. A denúncia foi feita pelo Ministério Público do Estado do Espírito Santo (MPES), por meio da Promotoria de Justiça de Marataízes.
 
O ex-candidato divulgou a reunião intrapartidária em que foi escolhido para disputar a prefeitura da cidade por meio de uma transmissão em tempo real no Facebook. A situação ultrapassou os limites da propaganda intrapartidária porque se dirigiu a todos os usuários da rede social, configurando a propaganda eleitoral extemporânea.  A condenação consiste no pagamento de multa no valor de R$ 5 mil.