Você está aqui: Página Principal

Balanço da Operação Nacional Mata Atlântica em Pé indica desmatamento de 5.285 hectares no Brasil

A Operação Nacional Mata Atlântica Em Pé confirmou, nesta segunda-feira (17/09), o desmatamento de 5.285 hectares, com a apresentação dos resultados finais. A Operação fiscalizou 517 propriedades, apreendeu 7.467 metros cúbicos de madeira e emitiu R$ 20.640.112,00 em multas, entre 10 e 14 de setembro.
 
A Operação Nacional ampliou a fiscalização envolvendo Ministérios Públicos e órgãos ambientais de 15 Estados e teve como objetivo proteger e recuperar o bioma a partir da identificação das áreas degradadas nos últimos anos e dos responsáveis pelas agressões, para cobrar a reparação dos danos e outras medidas compensatórias.
 
O balanço parcial no Espírito Santo foi apresentado na sexta-feira (14/09) e confirmou o desmatamento de 13,6 hectares em áreas do Estado, lavrou nove autos de infração ambiental e totalizou, até o momento, R$ 36 mil em multas aplicadas, referente a apenas duas propriedades fiscalizadas.  Os dados dos outros autos de infração ainda estão sendo concluídos e dependem também de análise de documentos apresentados pelos proprietários das áreas vistoriadas. Não houve prisões nem apreensões no Estado. A Operação foi realizada em áreas de quatro municípios capixabas: Domingos Martins, Alfredo Chaves, Sooretama e Conceição da Barra.
 
O Ministério Público do Estado do Espírito Santo (MPES), por meio do Centro de Apoio Operacional da Defesa do Meio Ambiente (Caoa) e das Promotorias de Justiça, com apoio do Batalhão de Polícia Militar Ambiental (BPMA), Instituto Brasileiro do Meio Ambiente (Ibama) e Instituto de Defesa Agropecuária e Florestal do Espírito Santo (Idaf), deflagrou a operação na segunda-feira (10/09) e finalizou os trabalhos de campo na quarta-feira (12/09).
 
Veja também: