Você está aqui: Página Principal

Recomendação do MPE gera menos sujeira nas ruas e locais de votação

Após a recomendação do Ministério Público Eleitoral (MPE) para coibir o derrame de santinhos de candidatos neste domingo de eleições (07/10), as ruas e locais de votação de vários municípios capixabas ficaram menos sujas que os pleitos anteriores. O resultado positivo é fruto do Pacto de Cooperação Cidade Limpa, coordenado pelo Centro Operacional Eleitoral (Cael) do MPES, que estabelecia também a entrega voluntária do material gráfico excedente na véspera da votação. Agora, todo o material de campanha excedente será doado para entidades sociais. 

Antes do período eleitoral, o Cael orientou os promotores eleitorais a alertar, preventivamente, candidatos, partidos e coligações para que não ocorresse o derrame de santinhos, que é crime eleitoral. Na Região Metropolitana, o material excedente foi entregue na sede do MPES, em Vitória. Ele será doado à Associação dos Catadores de Materiais Recicláveis de Vitória (Ascamare), em data a ser definida. O material gráfico excedente entregue nas Promotorias de Justiça no interior no Estado também terá como destinação entidades sociais. 

“Foram realizadas diversas reuniões por todo o Estado para garantir uma eleição limpa. Acreditamos que o diálogo preventivo realizado pelos órgãos de fiscalização foi determinante para a mudança de postura, mas a restrição aos gastos de campanha também influenciou nesse sentido”, afirmou o dirigente do Cael, o promotor de Justiça Francisco Martínez Berdeal.

No Espírito Santo, 51 promotores eleitorais, um por zona eleitoral, atuaram na fiscalização e no enfrentamento à corrupção eleitoral, como compra de votos e uso da máquina pública em benefício de candidatos. Outros 12 promotores de Justiça auxiliares também ajudaram nos trabalhos. Os promotores de Justiça auxiliares estavam nas seguintes Zonas Eleitorais: 5ª (Mimoso do Sul); 6ª (Colatina); 7ª (Baixo Guandu e Laranja da Terra); 11ª (Santa Teresa e Itarana); 17ª (Anchieta e Piúma); 21ª (São Mateus); 25ª (Linhares); 30ª (Nova Venécia e Vila Pavão); 36ª (Pancas, Mantenópolis e Alto Rio Novo); 43ª (Marataízes e Presidente Kennedy); 44ª (Bom Jesus do Norte, Apiacá, São José do Calçado e Dores do Rio Preto); e 52ª (Vitória).

 

Foto 01

Foto 02

Foto 03

Foto 04

Foto 05