Você está aqui: Página Principal

MPES requer anulação de concurso para professor em Linhares

O Ministério Público do Espírito Santo (MPES), por meio da Promotoria de Justiça de Linhares, ajuizou uma Ação Civil Pública (ACP) em face do município e do instituto responsável pela aplicação das provas para professor de Educação Básica (PEB I e II) do concurso da Prefeitura de Linhares. Na ação, o MPES requer liminarmente a anulação da prova discursiva e consequente anulação de toda prova para os cargos.

A investigação do MPES teve como base um procedimento instaurado para apurar irregularidades referentes à prova de professor de Educação Básica (PEB I e II), aplicada no dia 26 de janeiro de 2020.

De acordo com a ACP, diversos candidatos narraram irregularidades existentes desde a publicação do edital até o momento da realização das provas.

Veja a ACP